,

Atividades montessorianas para crianças de todas as idades

Quem acompanha o blog da Casatema sabe que os assuntos montessorianos são frequentes por aqui. A Pedagogia Montessori oferece tantos recursos e possibilidades que a gente atualiza frequentemente os conteúdos, inspirados nos estudos mais recentes sobre o método.

Se é a sua primeira vez no blog, desejo as boas-vindas. A educadora italiana Maria Montessori tem uma vasta bibliografia dedicada à sua vida e obra. Aqui no blog, você pode saber muito mais sobre os principais conceitos do Método Montessoriano e os benefícios comprovados que ele traz para o desenvolvimento infantil.

Neste conteúdo, temos atividades montessorianas para bebês, atividades para estimular ou acalmar as crianças e muito mais. Conheça as características, como preparar as atividades e os aspectos envolvidos no desenvolvimento da autonomia e outras habilidades e competências das crianças. Boa leitura!

Atividades Montessorianas para bebês de 0 a 12 meses

Desde a gestação, quando as mães começam a se comunicar com os bebês, existe a criação de um vínculo que se fortalece e, quando nascem, eles já estão fascinados pela voz da mãe. Só conversar com o bebê em um tom claro e amoroso já é um estímulo ótimo durante as primeiras semanas. Você pode dizer a ele tudo o que lhe vier à mente, sempre use um tom alegre e descontraído. Às vezes, nós, pais, estamos tão cansados e com sono que esquecemos dessa dica simples, mas que vale a pena o esforço.

Mamãe aplicando Atividades Montessorianas para bebês de 0 a 12 meses

1. Atividade Montessoriana com Rimas e Canções

Uma das melhores maneiras de acostumar os bebês recém-nascidos com o mundo ao redor é cantar e brincar com rimas e jogos rítmicos sonoros. A gente sabe bem como o mundo de hoje oferece estímulos o tempo todo, e para os bebês isso pode ser um pouco assustador. Por isso, é importante que ele estabeleça um forte vínculo afetivo com os pais através dessa atividade inspirada nos princípios montessorianos.

Além de gerar confiança e segurança para o bebê, ele estará mais preparado para quando sair do ambiente de rotina e for desenvolvendo melhor seus sentidos e habilidades motoras.

Segundo a especialista em neurodesenvolvimento infantil Sally Goddard Blythe, durante os primeiros anos da infância, os adultos tendem a supervalorizar habilidades como matemática ou leitura e esquecemos os benefícios de simples canções de ninar e canções infantis, (…) vitais para preparar a audição, a voz e o cérebro da criança para aprender a língua materna. O simples que funciona.

2. Atividade Montessoriana com Cartões em Preto e Branco

As cores preto e branco proporcionam aos bebês um maior contraste visual e facilitam o reconhecimento dos contornos dos objetos. Outro recurso muito simples que pode ajudar muito no desenvolvimento até o primeiro ano completo. recurso pode ser utilizado a partir de um ou dois meses. Aproveite os momentos em que eles estão de bom humor para usar as atividades montessorianas estimulantes.

Hoje existem no mercado inúmeros livros e cartões com desenhos em preto e branco, feitos especialmente para bebês, embora também seja muito fácil encontrar esse tipo de material gratuitamente na internet ou fazê-los você mesmo. Para fazer cartões de memória para bebês, basta encontrar uma imagem em preto e branco e imprimi-la em uma folha de papel A4, de forma que ocupe a maior parte da página.

Quanto mais simples e fácil de entender o desenho melhor. O ideal são contornos sem excesso de detalhes, como os exemplos abaixo:

  • Uma casa;
  • Um gato;
  • Uma mão;
  • Uma árvore;
  • Um carro.

Faça essa atividade quando estiver com o bebê no colo. Deixe as figuras a uma distância de aproximadamente 30 cm do rosto dele. Chame a atenção dele para o desenho e explique como se chama o objeto representado. Se o bebê estiver de bom humor, pode ser que ele se interesse e fique concentrado por um bom tempo. Deixe que ele demore o tempo que precisar.

Se ele virar a cabeça e começar a chorar, interprete isso como um sinal de que ele está cansado do jogo e quer parar. Existem vários tipos de choro de bebê, e você pode aprender os significados e como identificar. Conforme ele for crescendo, vá aumentando a complexidade dos desenhos da atividade.

Atividades Montessorianas para bebês de 1 a 3 anos

No segundo ano de vida, as crianças deixam de ser bebês e começam a mostrar mais autonomia e independência. Este é o momento em que elas começam a andar com mais segurança. Assim, instala-se o desejo de explorar o mundo por si mesma. O mundo é interessante demais para passar o dia inteiro no colo da mãe.

criança com cerca de 1 a 3 anos abrindo a gaveta do armário da cozinha

O desejo de liberdade delas é tão grande que, às vezes, esquecemos que são pouco mais que um bebês. Elas ainda precisam voltar para o colo da mãe para “recarregar as baterias” e se sentir seguras enquanto exploram.

Em casa, você pode adotar diversas medidas para tornar o ambiente propício para o seu pequeno explorador, garantindo que tudo que fique ao alcance dele seja seguro. Nessa fase, as atividades da educação montessoriana mais recomendadas são aquelas incorporadas naturalmente na rotina, como:

3. Atividade Montessoriana para Aprender a Comer, se Lavar e Vestir.

Além das atividades básicas de rotina como se alimentar, fazer a higiene pessoal e cuidar das próprias roupas, você também pode incorporar muitas outras atividades montessorianas para as crianças no seu lar, como:

  • Ajudar na cozinha: acompanhar o preparo dos alimentos, cortar com uma faca de plástico alimentos fáceis de despedaçar como banana, ovo cozido ou queijo fresco, por exemplo.
  • Recolher a roupa lavada e ajudar a dobrar as peças mais simples;
  • Abrir e fechar diversos tipos de potes e garrafas de plástico;

Todas essas atividades montessorianas podem ajudar muito no aprimoramento da coordenação motora fina. Essa habilidade é fundamental para o desenvolvimento cognitivo infantil e todos os desafios que virão nas próximas fases da infância.

menina sentada em cima de um armário de cozinha com pimentão

4. Atividade Montessoriana de Trabalhos Manuais com Massa de Modelar

Outra atividade que segundo os princípios do Método Montessori tem uma ótima capacidade de ajudar no desenvolvimento da coordenação motora é a manipulação de massa de modelar. Hoje existe uma grande quantidade de cores e texturas, como slimes, areias mágicas e outros materiais maleáveis e moldáveis.

Como as crianças já estão em um estágio mais avançado na compreensão de imagens, você pode trabalhar a reprodução de formas geométricas simples e as letras do alfabeto com as massinhas. Aproveite a oportunidade para trabalhar também o conceito das cores com as crianças, sempre com uma comunicação verbal bem clara e com tom alegre e divertido!

crianças brincando com Atividade Montessoriana de Trabalhos Manuais com Massa de Modelar

5. Caixas Sensoriais

As caixas sensoriais são muito fáceis de preparar e as crianças adoram. Você vai precisar apenas de uma caixa larga. Nela você pode colocar materiais de texturas variadas que estimulem os sentidos da criança. Pense em um material de base (areia, terra, macarrão, pedrinhas…) e alguns objetos e ferramentas interessantes para retirar o material base da caixa (colheres, pás, baldes…).

É possível preparar caixas sensoriais que foquem em um tema específico, por exemplo:

  • As estações do ano: encha a caixa com objetos característicos, por exemplo: terra, folhas secas, castanhas e deixe a criança explorar;
  • A fazenda: você pode encher o recipiente com palha, grãos de arroz ou trigo, animais de plástico e trabalhar a sonoridade e a vocalização com os sons dos bichos;
  • A horta: num recipiente cheio de terra, coloque cenouras, nabos, cebolas, rabanetes enterrados e deixe a crianças descobrir o processo;
  • A praia: encha a caixa com areia, conchas, peixes de brinquedo. Também dá para acrescentar na experiência uma tigela com água, uma pá e um balde.

Aqui no blog, tem um conteúdo especial sobre as caixas sensoriais e você pode pegar mais dicas e ideias de como fazer essa atividade montessoriana de um jeito super simples, prático e muito legal para as crianças!

menina brincando com uma caixa de areia sensorial

Atividades Montessorianas para a educação infantil: de 3 a 6 anos

A partir dos três anos, a criança se dedicará a organizar conscientemente os conceitos que adquiriu graças à sua mente absorvente. Este é o momento da vida em que a criança tem maior capacidade de aprender. Os estímulos que ela recebe agora serão a base para todas as funções e habilidades que seu cérebro possuirá no futuro.

Em um artigo do Repositório de Conhecimento Baseado em Pesquisa para Melhorar a Aprendizagem, que trata sobre o cérebro, o desenvolvimento inicial e a aprendizagem, descobri que, aos cinco ou seis anos, o cérebro da criança está se aproximando do tamanho final. A partir daqui, ele permanecerá quase do mesmo tamanho durante a vida adulta.

Os estímulos recebidos durante a fase entre o nascimento e os seis anos determinarão se a criança terá ou não uma boa base de aprendizagem para o resto da vida. Por isso, experiências repetitivas nessa fase ajudam a reforçar as vias neurais (conexões entre neurônios). Veja algumas atividades montessorianas que podem ajudar muito nessa parte do desenvolvimento infantil.

crianças de 3 a 6 anos na mesa realizando atividades montessorianas

6. Ler livros para as crianças

Se você quer que as crianças tenham interesse pela leitura, é fundamental criar esse interesse. Enquanto elas ainda não chegam no processo de alfabetização, leia livros com frequência para elas. Assim, você estará despertando a curiosidade delas desde muito pequenas.

Conforme elas forem evoluindo, a curiosidade pode se tornar conhecimento e o hábito da leitura é fundamental para toda a vida em diversos aspectos.

pai lendo livros para os filhos

7. Atividades Montessorianas Sensoriais

Muitas das atividades montessorianas estão ligadas às sensações e ajudam as crianças a desenvolver a musculatura e a coordenação da mão, como os movimentos de preensão mais simples (com o punho inteiro) até os mais complexos (preensão em pinça com o indicador e o polegar). Por isso, é importante não pular as atividades sensoriais e da vida cotidiana, pois são elas que constituem a base da leitura, da escrita, da matemática e das demais disciplinas que as crianças aprenderão posteriormente.

Andar descalço na terra, brincar de sentir sabores com vendas nos olhos e outros podem ser experiências que exploram os sentidos. Você pode encontrar uma atividade montessoriana em cada momento do seu dia com as crianças.

Atividades Montessorianas para crianças com 6 anos ou mais

A partir dos seis anos, as crianças desenvolvem rapidamente sua capacidade de concentração. Elas são capazes de repetir a mesma atividade várias vezes, deixando aparecer a sua capacidade de autoinstrução.

O dilema com as tecnologias e facilidades do mundo moderno

O uso da tecnologia em excesso pode ser uma desvantagem para o desenvolvimento das crianças a partir dos seis anos. Isso porque as telas privam as crianças do mínimo trabalho e esforço manual. Em frente a um dispositivo eletrônico, as crianças utilizam basicamente dois de seus cinco sentidos: a visão e a audição.

Elas já têm consciência de muitos aspectos relacionados à vida prática. Além disso, são muito sagazes para aprender coisas rapidamente. Não há nada de mal em usar a tecnologia de vez em quando. O melhor é que, nesta idade, as crianças passem a maior parte do tempo livres, movimentando-se e brincando com objetos físicos.

criança mexendo no celular deitada

8. Atividades Montessorianas de Alfabetização

Ler, ao contrário de falar, é uma habilidade que deve ser ensinada às crianças. Embora todo ser humano exposto à sua língua nativa acabe aprendendo-a sem esforço, para aprender a ler, é necessário algum treinamento prévio, que também deve estar vinculado aos interesses das crianças.

Se elas já frequentam a escola, as atividades que realizam em casa servirão de apoio e facilitarão seu trabalho quando chegar a hora de aprender a ler. Qualquer iniciativa que envolva as crianças no universo da leitura e permita que ela siga o seu próprio ritmo pode fazer muita diferença.

Monte uma brinquedoteca com alguns livros em casa, tenha um momento de compartilhar experiências através da leitura e incentive as crianças a identificar as letras, unir as sílabas e entender o conceito por trás de cada palavra que despertar curiosidade nelas.

crianças tocando instrumentos

9. Atividades Montessorianas com Números

As atividades montessorianas de rotina e sensoriais oferecem muitas oportunidades práticas de usar números e quantidades para trabalhar conceitos matemáticos com as crianças. O ideal é começar ensinando os números através de quantidades e não de símbolos. Os números escritos virão depois quando as crianças já tiverem a compreensão do que significam “três dedos” ou “cinco bolas”, por exemplo.

É fundamental que as crianças sejam capazes de contar e reconhecer um grupo de, pelo menos, 10 objetos antes de aprender novos conceitos matemáticos. Você pode trabalhar os conceitos básicos com atividades simples e durante a rotina. Como mencionei anteriormente, qualquer ocasião pode se tornar uma excelente oportunidade para trabalhar atividades montessorianas com as crianças.

Atividades Montessorianas com Números

Enfim, com as dicas que preparei para este conteúdo, você pode mergulhar no universo das atividades montessorianas e criar experiências lúdicas, divertidas e cheias de significado para as crianças.

Para saber como melhorar ainda mais todo esse processo mágico, conheça alguns móveis que podem deixar a casa mais divertida para as crianças e ajudar no desenvolvimento de muitas habilidades e competências da infância. Até a próxima.

5/5 - (1 vote)

1 comentário em “Atividades montessorianas para crianças de todas as idades”

Deixe um comentário

Anterior

Modelos de bicama para quarto infantil e juvenil Casatema

Atividades e dicas para trabalhar as vogais na educação infantil

Próximo