Alergia infantil na pele: conheça as causas e como identificar

Por conta da pele mais delicada e do sistema imunológico ainda fraco, é muito comum o aparecimento de alergia infantil na pele. As causas podem ser variadas, os principais sintomas são coceira e região irritada ou vermelhidão. A alergia nada mais é que uma reação de defesa do organismo contra alguma substância ou elemento.

O ideal é estar sempre atento a qualquer reação, além disso, é importante observar os passos da criança para que seja mais fácil identificar o que causou aquela alergia.

Caso a alergia não passe ou se torne uma irritação muito maior, é de extrema importância procurar um alergista ou dermatologista para investigar a causa da alergia, além de garantir um tratamento adequado.

O que pode causar alergia nas crianças?

As causas da alergia nas crianças são diversas, elas podem ser uma simples alergia ou algo mais sério como a dermatite atópica, a famosa eczema ou de contato, esse tipo de condição possui reação imediata ao ter contato com alguma substância.

As principais causas da alergia infantil na pele são:

  • Ácaros e poeira;
  • Bichos de pelúcia;
  • Fraldas;
  • Picada de insetos;
  • Pólen de plantas;
  • Pelo de animais como gatos e cachorros;
  • Suor;
  • Tecidos como a lã;
  • Produtos de limpeza como amaciantes, detergente ou sabão em pó;
  • Produtos de higiene como shampoos e sabonetes;
  • Higiene inadequada;
  • Alimentação.

Geralmente a reação alérgica causada na pele das crianças aparece em forma de irritação com coceira, descamação, região avermelhada e ou quente e manchas ou bolinhas brancas, algumas vezes com prurido.

Aprenda como lavar cortinas e fique livre das poeiras e ácaros, comumente, essa pode ser uma das causas de alergia infantil!

Infelizmente só é possível identificar a alergia na criança quando ela entra em contato com o fator da causa. Em casos em que os pais são alérgicos a determinados medicamentos ou comidas, os filhos podem ter uma predisposição a desenvolver a alergia.

pelucia

Alimentos que podem causar alergia

Nem todas as crianças vão manifestar alergia a determinados alimentos, porém, alguns alimentos são campeões quando o assunto é este. Os principais alimentos que podem causar alguma reação alérgica nas crianças são: os ovos, leite de vaca e seus derivados, enlatados, frutas cítricas como abacaxi, soja, amendoim, corantes e conservantes, chocolate, peixe e frutos do mar como o camarão.

Meu filho tem alergia, como fazer para tratar?

O primeiro passo é identificar o que causou ou está causando essa reação da pele e levar a criança ao médico. Como as causas alérgicas podem ser variadas, os tratamentos também podem mudar de acordo com o caso. Geralmente, as alergias podem começar a aparecer por volta dos 3 meses de vida até os 12 anos de idade. Em alguns casos podem sumir de vez conforme o crescimento da criança, em outros é necessário fazer algum tratamento para controlar.

Em hipótese alguma medique a criança em casa sem a orientação de um alergista ou dermatologista, pois ao invés de melhorar, o remédio ou tratamento inadequado podem até agravar a alergia, o mesmo vale para ervas e receitas caseiras.

Geralmente o tratamento é tranquilo e feito com o uso de pomadas tópicas ou xaropes a base de corticóides e anti-histamínicos, que aliviam o desconforto causado pela coceira. Algumas loções calmantes também podem ser prescritas, dependendo do nível da alergia.

Caso as alergias aparecem com frequência, o mais indicado é procurar um alergista para fazer um teste alérgico. O teste é feito no braço. Um espaço é demarcado e são feitas picadas com algumas substâncias, após um período entre 15 e 20 minutos o médico observa se a pele teve ou não reação e baseado nisso é prescrito um tratamento mais profundo.

Como fazer para evitar o aparecimento de alergias?

Além das causas citadas anteriormente, alguns hábitos podem ajudar a evitar o aparecimento de irritação ou alergia na pele das crianças. Veja algumas maneiras de evitar:

  • Após o banho, secar a criança suavemente. Jamais esfregar a toalha sobre a pele;
  • Usar apenas sabonetes de origem vegetal, como o de glicerina. Caso a área já esteja irritada, evitar o uso do sabonete até que a pele melhore;
  • Não use esponjas ou buchas;
  • Evitar banhos longos com água quente. O mesmo vale para lavar as mãos e também realizar o asseio;

Alguns cuidados devem ser tomados tanto no verão, quanto no inverno. Veja também o que fazer nessas estações do ano:

Cuidados no verão

  • Use apenas protetor solar indicado para a pele infantil. O mesmo vale para repelentes;
  • Evite o uso de perfumes ou cremes;
  • Troque a roupa de cama com frequência;
  • Vista as crianças com roupas mais leves e frescas. Os tecidos de algodão são a melhor opção;
  • Dê bastante água e alimentos leves para as crianças;
  • Não deixe as crianças muito tempo expostas ao sol, mesmo com o uso de protetor solar;
  • Por conta do calor, é ideal que as crianças tomem vários banhos para se refrescar ao longo do dia;
  • Mantenha a pele das crianças hidratadas após a praia ou piscina. Use produtos indicados para a pele infantil.

piscina

Cuidados no inverno

  • Mantenha as crianças hidratadas;
  • Evite o uso de tecidos como lã. O ideal é que elas usem moletons com tecidos em algodão;
  • Na hora do banho, use água morna e não muito quente. 10 minutos de banho são o suficiente;
  • O uso de hidratantes pode ser mantido.

A principal maneira de cuidar das crianças e tratar das alergias é por meio da observação. Quanto antes a alergia for identificada e tratada, melhor para as crianças e também para os pais.

Gostou das dicas? Aproveite também para ler o nosso post com 8 dicas de brincadeiras para fazer com a criançada e se divertir ao ar livre ou no quintal de casa. Até o próximo post!

About Leandro Varela

Deixe um comentário

Anterior

Inspire-se com essas dicas de decoração de réveillon em família!

Festa em casa: dicas simples e fáceis para não errar!

Próximo